No Amazonas, irmãos morrem em decorrência de raiva humana


raiva-humana-amazonas
No Amazonas, irmãos morrem em decorrência de raiva humana
PUBLICIDADE

Uma menina de 10 anos teve a morte confirmada pela Secretaria de Saúde do Amazonas (Susam), depois de ter recebido diagnóstico de encefalite viral. O caso da criança foi confirmado como raiva humana e sua morte aconteceu apenas uma semana depois da morte de seu irmão, em decorrência da mesma doença.  A SUSAM confirmou que os casos são os primeiros desde 2002, quando a última infecção por raiva foi registrada.

A menina chegou a iniciar um tratamento com antivirais na Fundação de Medicina Tropical (FMT), mas os especialistas já não acreditavam nas chances de sobrevivência devido ao estágio avançado da doença.

A suspeita de raiva humana surgiu depois que familiares confirmaram que os irmãos foram atacados por morcegos. Por se tratar de uma doença incomum e a transmissão por mordidas de morcegos também rara, a Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas (FVS-AM) confirmou que vai investigar o caso.


Faça um Comentário

log in

reset password

Back to
log in